ProntoVet

Semana Nacional da Pessoa com Deficiência intelectual da Apae contará com palestras virtuais

Comemorada desde 1964, a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla Contará com palestras virtuais com psicóloga, fonoaudióloga, terapeuta ocupacional, psicopedagoga e assistentes sociais.

Iniciou nesta sexta-feira, 21, a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais  (Apae).

Como tema Protagonismo Empodera e Concretiza a Inclusão Social as ações que serão transmitidas via rede social (Facebook – Apae Quedas) visam ao desenvolvimento de conteúdos para conscientizar a sociedade sobre as necessidades específicas de organização social e de políticas públicas para promover a inclusão social desse segmento populacional e para combater o preconceito e a discriminação.

O presidente da Apae, Almir Portes, pediu a participação efetiva da população. “Sempre fizemos uma programação presencial, porém esse ano devido à pandemia não será possível ser desta forma”.

Portes enfatizou para “todos acompanhar o trabalho da Apae, conferindo de perto a dedicação dos profissionais  em prol dessas pessoas que tanto necessitam de cuidados especiais”. A instituição a exemplo das demais escolas vem trabalhando através de vídeos, mensagens com os pais e alunos com raros atendimentos presenciais.  

Comemorada desde 1964, a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla Contará com palestras virtuais com psicóloga, fonoaudióloga, terapeuta ocupacional, psicopedagoga e assistentes sociais. O Brasil possui mais de 45,6 milhões de pessoas com alguma deficiência, ou seja, 23,9% da população. Desse valor, a deficiência mental ou intelectual foi declarada por mais de 2,6 milhões de brasileiros, cerca de 1,4% da população brasileira, segundo o último CENSO realizado em 2010 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e estatística (IBGE).


     A deficiência intelectual, segundo a Associação Americana sobre Deficiência Intelectual do Desenvolvimento, caracteriza-se por um funcionamento intelectual inferior à média (QI), associado a limitações adaptativas em pelo menos duas áreas de habilidades (comunicação, autocuidado, vida no lar, adaptação social, saúde e segurança, uso de recursos da comunidade, determinação, funções acadêmicas, lazer e trabalho), que ocorrem antes dos 18 anos de idade. No dia a dia, isso significa que a pessoa com Deficiência Intelectual tem dificuldade para aprender, entender e realizar atividades comuns para as outras pessoas. Confira programação deste ano em Quedas do Iguaçu da semana que irá até 28 de agosto.

Programação divulgada pela Apae Quedas

- Advertisment -

Últimas Notícias

Homem condenado por latrocínio em Quedas do Iguaçu é preso em Iporã

A equipe da Polícia Civil da 15ª Delegacia Regional de Polícia de Iporã prendeu nesta tarde um homem de 44 anos, condenado...

Feirão do Imposto mostra como pagamos altas taxas tributárias

Está acontecendo em Quedas do Iguaçu (centro-sul paranaense) até dia 22 de maio, o Feirão do Imposto.Desenvolvido...

“Faça bonito, quem fica calado também é culpado” Ação lembra o Abuso Sexual de crianças e adolescentes

O Dia Nacional de Combate ao Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes foi lembrado em Quedas do Iguaçu (centro-sul paranaense) numa ação...

Comentários Recentes