Programa Justiça no Bairro fará exame de DNA

0
45

Representantes do Serviço Social do Comércio (SESC) estiveram reunidos na manhã desta terça-feira, 12, com o prefeito Anelso Ubialli, para formalizar um plano para o Programa Justiça no Bairro, que acontecerá nos dias 6 e 7 de dezembro, nas instalações da Escola Municipal Pinheirais e beneficiará diretamente moradores de Quedas e Espigão Alto do Iguaçu. Os serviços estarão sendo executados por mais de 100 profissionais, sendo coordenados pelo CRAS das duas cidades, entre outras entidades do município.  

“O objetivo do programa é o atendimento a população de baixa renda (economicamente vulnerável) dos dois municípios, favorecendo a conciliação por meio de audiências prévias em inúmeras áreas do direito, possibilitando a resolução com a emissão imediata de documentos” contou Luciane Martini, técnica social do Sesc.  

Assuntos de família (divórcio, alimentos, guarda), registros públicos, regulamentação de visitas, dissolução de união estável, restabelecimento de sociedade conjugal, na área cível (interdição/curatela), confecções de carteira de identidade (RG).

 A responsável pela atividades ligadas a saúde, Ityara Buseti, lembrou que “todos os procedimentos serão gratuitos exceto o exame de DNA, (reconhecimento de paternidade/maternidade) que terá o custo 220 reais”.

A secretária de Ação Social, Joira Zgoda, disse “ser importante para a comunidade, em especial os menos favorecidos atendimentos como os que serão prestados”, Zgoda espera uma “grande participação”.

O prefeito Ubialli colocou toda infraestrutura da prefeitura, (carros, equipamentos, local e alimentação) a disposição do Programa. “Estaremos dando toda assistência a este Programa para ajudar a facilitar a vida das pessoas que realmente precisam”.

Para ser atendido é preciso apresentar documentos pessoais como certidões de nascimento, RG,CPF, CTPS ou CNH, comprovante de residência e de renda que deverá ser de até dois salários mínimos.