Jovem é baleado no ginásio Tarumã

As últimas informações dão conta que a vítima foi encaminhada para Cascavel. Não sendo informada se os ferimentos são graves.

0
4039
O jovem conseguiu fugir e acabou caindo em frente uma das residências do Bairro Tarumã. O atirador segundo testemunhas pulou o muro próximo ao ginásio para fugir.

A violência voltou a fazer mais uma vítima, e desta vez na principal praça esportiva do município onde acontecem Jogos Escolares Fase Municipal, competição envolvendo crianças e adolescentes das escolas estaduais. Um jovem foi alvejado a tiros na manhã desta terça-feira, 20, dentro do ginásio de esportes Tarumã, o fato aconteceu enquanto acontecia uma das partidas da competição. “Quando ouvimos os disparos, imediatamente levei meus alunos para o lado da quadra, todos ficaram muito assustados”, declarou um dos professores.

As informações dão conta de poder se tratar de acerto de contas. O rapaz segundo populares com a inicial S no seu nome. foi ferido nos fundos do ginásio, por um elemento ainda não identificado, testemunhas disseram que após ser atirado (levou pelo menos 3 tiros), a vítima correu indo em direção as casa do bairro Tarumã, caindo na frente de uma delas. Informações do hospital dão conta que a vítima foi atingida no tórax provocando hemorragia (sangue dentro da cavidade torácica).

A Polícia Militar chegou ao local logo após o acontecido, o Samu prestou atendimento conduzido ao Hospital Municipal o baleado, o mesmo foi transferido pra Cascavel.

O secretário de esportes, Paulo Fabiane, lamentou o ocorrido, e afirmou que nenhum dos envolvidos no episódio é atleta da competição. Fabiane confirmou a continuidade dos jogos. Durante toda a tarde desta terça-feira o policiamento foi intensificado no local das competições com presença da PM, segundo informou o professor João Rafael, um dos responsáveis pela condução do evento. Ele informou ainda não haver registrado falta de atletas nos jogos.

Tudo leva a crer que houve um encontro ocasional entre dois elementos, culminando com o fato.  A Polícia Militar declarou que estão sendo feitas rondas no local, e as mesmas serão agora ainda mais intensificadas, porém, admitiu ser impossível prever uma situação como a esta.