Exame biométrico somente em 2019

O exame biométrico será feito com a finalidade de evitar fraudes, o cidadão comparece no Cartório Eleitoral para fornecer as impressões digitais, que passarão a ser usadas para identifica-lo no momento do voto.

0
919
Eleitor passa por identificação biométrica na hora da votação.

 

A Justiça eleitoral já encerrou na maior parte do país  os prazos para o cadastramento  biométrico obrigatório,  onde o cidadão comparece no  Cartório Eleitoral para  fornecer as impressões digitais, que passarão a ser usadas para identifica-lo no momento do voto.   Na comarca de Quedas do Iguaçu, o cadastramento  biométrico ainda não é obrigatório,   somente a partir de 2019,  entretanto quem for ao Cartório para fazer uma transferência de domicilio  ou  titulo de eleitor já pode fazer o exame biométrico.  Além da coleta das digitais,  no exame biométrico é feita a assinatura eletrônica e uma foto digitalizada.  Todo o processo, dura cerca de 15 minutos.    O exame biométrico poderá detectar fraudes, títulos duplicados,   a exemplo de um eleitor que chegou a ter 52   títulos em seu nome.   Quando o eleitor for votar,  ele vai ter que confrontar as digitais para evitar esse tipo de fraude.